Como funcionam bolsas de estudo (Graduação)

istock_000017912989_full“Quero estudar nos EUA, mas preciso de bolsa. Por onde começo?”

Vamos começar por alguns princípios básicos sobre custear os estudos nos EUA:

  1. Não existe ensino superior gratuito nos EUA. Em princípio, toda universidade tem uma anuidade a ser paga.
  2. Existem vários tipos de bolsas: as bolsas propriamente ditas (scholarships ou grants), emprésitmos (loans) e trabalho no campus (work-study), são comuns para alunos de graduação. Para alunos de mestrado e doutorado, acrescentam-se ainda as possibilidadea de assistantships ou fellowships.
  3. Cada universidade tem sua própria política e regras sobre ajuda financeira. E muitas tem uma política específica para alunos internacionais, diferente das aplicadas aos americanos. Isso é válido principalmente para a graduação.

Agora, vamos falar um pouco sobre por onde começar:

Na graduação, existem duas grandes categorias de bolsas:

  • Bolsas por necessidade financeira (também conhecidas como ajuda financeira)

Esse tipo de bolsa geralmente é oferecida a alunos cuja familia tem uma renda insuficiente para o pagamento total do custo de um ano de estudo (CoA – Cost of Attendance). O cálculo é feito com base nos documentos financeiros (Imposto de Renda, Holerites, etc.) enviados para a universidade, ou seja, com base na necessidade financeira comprovada pela família.

  • Bolsas por mérito

O mérito pode ser acadêmico, esportivo, musical, artísitico, etc. e é demonstrado pelo aluno no application através de textos e, algumas vezes, materiais adicionais solicitados pelas universidades. Algumas dessas bolsas podem requerer do aluno um application adicional, e os prazos podem ser diferentes dos do application regular. É necessário pesquisar e estar atento a estes detalhes para não perder boas oportunidades.

Muitas universidades podem combinar bolsas de necessidade financeira a bolsas por mérito. Mas algumas universidades, como as da Ivy League, tem um comum acordo de só oferecer bolsas por necessidade financeira. Então nestas faculdades, ter uma bolsa de 10% ou 100% não diz respeito ao mérito do aluno, e sim à situação financeira da família dele.

Menu