Código de ética

Os orientadores EducationUSA são responsáveis pela administração e fornecimento de serviços educacionais de orientação sobre estudo nos Estados Unidos. Sendo um funcionário ou voluntário dentro de uma instituição parceira, os orientadores EducationUSA nos Escritórios de Orientação EducationUSA devem seguir os seguintes princípios do código de ética:

1) Atender a todos os clientes sem discriminação em relação à nacionalidade, raça, sexo, situação sócio-econômica, orientação sexual ou habilidade física.

2) Usar o escritório, título e associações profissionais somente para a conduta oficial do trabalho de orientação EducationUSA ou outra atividade requerida pelo supervisor da instituição hospedeira.

3) Oferecer informações precisas, abrangentes e atualizadas sobre oportunidades educacionais em faculdades e universidades acreditadas nos Estados Unidos.

4) Assegurar que relatos de opiniões pessoais ou julgamento são claramente designadas dessa forma.

5) Evitar o uso de ranking de universidades ou faculdades.

6) Oferecer uma introdução inicial ao processo de orientação sem cobrança de tarifas. Essa apresentação pode ser em grupo, ou em outro formato disponível no Centro EducationUSA.

7) Quando necessária a cobrança de tarifas, fornecer uma estrutura clara de tarifas para os serviços e que seja justa em relação ao mercado local. Recibos devem ser emitidos ao cliente e contabilizados no caixa do Escritório EducationUSA.

8) Ter ciência e cumprir com as leis, regulamentações, e políticas dos Estados Unidos e do país de origem que se apliquem aos alunos internacionais.

9) Não fornecer os nomes de alunos à terceiros, como faculdades, universidades ou outras agências, comerciais ou não, sem o consentimento dos mesmos.

10) Recusar presentes ou favores com valores superiores a $20.00 (vinte dólares americanos). Em hipótese alguma dinheiro pode ser aceito.

11) Não indicar serviços oferecidos por empresa ou organização nas áreas de preparação para provas, admissões, colocação, curso de idiomas ou despachante para visto.

12) Não aceitar pagamentos pessoais referentes a serviços profissionais como apresentações e orientações.

13) Seguir a “Política de Representantes Comerciais de Recrutamento do EducationUSA” estabelecida pelo Departamento de Estado.

14) Diante de um dilema ético procurar orientação com seu/sua supervisor, Coordenadora Regional Educacional (REAC – Regional Educational Advising Coordinator), um Program Officer do Departamento de Estado.

Menu